Formar um time de líderes de alta performance é um grande desafio para as organizações, mas, certamente é também o que a diferenciará de suas concorrentes e contribuirá para resultados ainda melhores.

No entanto, esse não é um desafio simples. A falta de experiência, de habilidades e de competências dos líderes, por si só já exerce grande influência no baixo desempenho das equipes, somado a isso, está o cenário, que cada vez mais complexo e veloz, faz deste um desafio ainda maior. Daí a importância de se investir na capacitação e aprimoramento desses profissionais.

E para que esse desafio seja cumprido com sucesso, é indispensável promover uma experiência direcionada, específica, significativa e que priorize as características essenciais e desejáveis de um bom líder, bem como facilitar seu acompanhamento e evolução. 

O objetivo deste post é conceituar a liderança de alta performance e mostrar os benefícios de contar com um desempenho eficiente no gerenciamento de processos e pessoas. 

Continue lendo e veja quais são as melhores práticas para ter líderes altamente capacitados!

O que é a liderança de alta performance?

Podemos chamar de liderança de alta performance, aquela formada  por profissionais focados em obter os melhores resultados e levar a empresa a um lugar de vantagem competitiva sem nunca deixar de olhar para as pessoas. De modo geral, são lideranças motivadas que inspiram suas equipes a fazerem entregas de qualidade, de maneira ágil e eficiente.

Seu poder de engajar e incentivar o time reflete no êxito das ações e atividades desempenhadas. Os colaboradores têm mais autonomia para tomar decisões e maior liberdade para contribuir com sugestões e ideias.

Quais os benefícios desse tipo de liderança?

Com uma liderança de alta performance o time eleva o potencial de desempenho, enfrentando os desafios com maior segurança. A equipe se baseia no comportamento do líder que, com conhecimento e habilidade, sabe conduzir e otimizar os processos.

Essa é uma liderança que além de qualificada para estimular e engajar seu time, consegue alinhar as necessidades dos colaboradores aos objetivos da empresa. De modo colaborativo, diferentes perfis se unem para compartilhar ideias em prol de um mesmo propósito.

A liderança de alta performance impulsiona o crescimento e desenvolvimento, oferecendo vantagens significativas para a empresa e os colaboradores. Veja algumas delas!

Aumento de competitividade

Imagine uma equipe onde a liderança é empática e humanizada, permitindo que os liderados se desenvolvam, com autonomia para utilizar suas habilidades e competências. O resultado é um time engajado, dinâmico e proativo.

Esse é o cenário ideal de um ambiente organizacional que encoraja todos a se dedicarem ao máximo. Por trás, uma liderança que acredita no capital humano e no quanto as pessoas são responsáveis pelo sucesso de uma empresa — uma marca estruturada e forte ganha notoriedade por sua capacidade competitiva.

Otimização das ações estratégicas

O alinhamento entre lideranças e times permite melhor organização das ideias, elaboração de um planejamento estratégico e execução eficiente das ações. Um líder de alta performance conhece bem seus colaboradores, além das forças e fraquezas.

Por isso, sabe onde e quando aproveitar as soft e hard skills individuais, para somar os esforços coletivos. Para cada colaborador tem a expertise de gerenciar de modo distinto, considerando as diferenças na personalidade.

Maior lucratividade

Um time de sucesso tem por trás uma liderança empenhada em fazer da equipe uma potência. Com a alta performance, otimização dos processos e execução adequada das ações estratégicas, o lucro é certo.

Com uma liderança experiente e comprometida à frente dos projetos, as tarefas serão desempenhadas com maior agilidade, o que aumenta a produtividade. A consequência é uma qualidade elevada das entregas, satisfação dos clientes e bom retorno financeiro.

Como desenvolver uma liderança de alta performance?

Agora que você já sabe o que é uma liderança de alta performance e como pode ser benéfica para a sua empresa, o que fazer para alcançar esse nível? O RH tem um papel fundamental nesse processo, especialmente, no acompanhamento estratégico destes colaboradores.

Trouxemos algumas dicas de como fomentar esse tipo de liderança e colocar de vez a empresa em um lugar diferenciado do mercado. Confira!

Faça contrações/promoções considerando o perfil

Do ponto de vista técnico e comportamental, um líder precisa ter características específicas para ocupar uma posição de gerenciamento. Seja para uma nova aquisição ou promoção interna é preciso observar alguns aspectos, sobretudo, os que envolvem as soft skills.

A liderança de alta performance requer profissionais com inteligência emocional, que se comunicam bem e estejam abertos a ouvir seu time com a atenção que merece. O entusiasmo com que o líder encara a rotina e os obstáculos serve de referência para os demais da equipe, por isso, a importância do perfil adequado.

Reforce a missão e visão da empresa

A missão e a visão, refletem os valores da empresa, o que vai ao encontro do fit cultural, tanto dos líderes, quanto dos liderados. Certifique-se de que as pessoas de fato caminhem na direção do seu propósito de existência.

Dessa forma, todos os envolvidos, incitados por uma liderança proativa, seguirão os planos traçados com dedicação e dinamismo. A empresa que sabe bem onde deseja chegar, precisa de líderes em sintonia, de modo que a equipe não se sinta perdida.

Reflita como cada área está vivendo ou não os valores da empresa

A integração entre setores ajuda a fortalecer a cultura organizacional, uma vez que as lideranças se entendem e comunicam com a mesma visão sobre os objetivos e como alcançá-los para obter bons resultados.

Caso um ou mais setores esteja desalinhado com os valores instituídos na empresa, é importante que o RH intervenha, no intuito de relembrar os líderes da importância de unir forças e padronizar a forma de gestão, mesmo com as diferenças de personalidade.

Estabeleça planos de ação para incentivar o engajamento e autogestão

Equipes desengajadas e desmotivadas não performam para resultados de excelência, logo, ao menor sinal de desânimo das lideranças, as intervenções devem ser imediatas — estimule a busca do autoconhecimento, que permita o autogerenciamento das habilidades e competências.

Promover a comunicação entre os colaboradores

Em muitas empresas as pessoas falam, dialogam, e ainda sim não se comunicam adequadamente, o que pode minar todas as ações para alcançar a alta performance. É primordial que os colaboradores se comuniquem bem, de forma objetiva, transparente e clara, assim como os líderes de áreas.

Quando a comunicação funciona de verdade, os problemas são expostos, do mesmo modo que as soluções, já que sincronizados e motivados ao sucesso, todos desejam ver a empresa sobressair em meio às dificuldades.

Invista no desenvolvimento 

Esse é o ponto ápice deste artigo, pois, líderes não desenvolvidos, têm dificuldades de autogerenciamento e, mais ainda, de gerenciar suas equipes. Portanto, se você deseja ter um padrão elevado de resultados, precisa investir em seus líderes.

Com a ajuda da Weego você pode transformar gestores em grandes líderes em uma jornada individual, que engloba a reflexão do que pode ser melhorado em suas performances. Ajudamos o RH a ser mais assertivo e estratégico, priorizando o desenvolvimento das competências mais importantes para a empresa.
Se você gostou do post e sente que chegou a hora de a sua empresa deslanchar e se destacar no mercado, entre agora mesmo no nosso site para conhecer o trabalho que desenvolvemos na Weego!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *