O Assessment é uma ótima maneira para mapear possíveis líderes dentro de uma organização. Para os profissionais de RH esse é um conceito importante que auxilia na avaliação de perfis, aproveitamento e valorização dos talentos.

Sem contar que a ferramenta é aplicável também no processo de recrutamento e seleção, já pensando na possível evolução dos candidatos no desenvolvimento de carreira com foco nos cargos de liderança.

Você sabe o que é e como funciona o Assessment? Neste post você vai conhecer os recursos que o conceito oferece e seus benefícios. Continue lendo veja como aplicar na sua empresa!

O que é e como funciona o Assessment?

A tradução literal de assessment significa  avaliação, logo, é uma forma de avaliar o perfil e a performance dos profissionais, para identificar as principais habilidades e como elas podem ser melhor aproveitadas dentro da empresa.

O processo pode ser confundido com a avaliação de desempenho, mas a diferença está na profundidade com que o Assessment conduz a análise. Além disso, enquanto a avaliação de desempenho é direcionada aos colaboradores, o assessment pode ser destinado a candidatos, colaboradores, fornecedores, entre outros.

O conceito se desenvolve em uma entrevista, com o objetivo de compreender e identificar tendências no comportamento e potencialidades de performance. São usadas as situações cotidianas e os desafios vivenciados por cada profissional.

Durante a avaliação, o intuito é ajudar os profissionais avaliados a reconhecerem seus pontos fortes e fracos, com ênfase nos que precisam ser aprimorados. Os passos são observar, entrevistar, questionar e realizar testes, individuais ou coletivos.

A liderança pode usar o assessment para ajudar no desenvolvimento e motivação dos colaboradores que fazem parte da equipe. O levantamento apurado na avaliação serve de base para o engajamento das equipes, para que sejam mais proativas e produtivas.

Basicamente, o assessment dá suporte ao RH para identificação das habilidades e competências essenciais a um cargo ou função e se um profissional é adequado e capaz de executar bem as tarefas e alcançar os resultados esperados.

Dessa forma, a avaliação favorece a empresa de um lado ao compreender melhor os profissionais, suas necessidades e aspirações e, do outro lado, o profissional que tem a oportunidade de reflexão dos pontos positivos e negativos, para chegar aonde deseja em sua carreira.

Quais recursos a ferramenta oferece?

O Assessment como metodologia oferece recursos e ferramentas excelentes para ajudar na avaliação. Veja alguns desses mecanismos que facilitam o entendimento do conceito aplicado na prática!

Mapeamento de perfil comportamental

Para identificar as competências e descobrir as habilidades dos profissionais avaliados é importante mapear o comportamento, ou seja, como as pessoas agem e reagem aos estímulos diversos, vindos de dentro ou fora da empresa.

O processo de mapeamento do perfil comportamental é alimentado por técnicas, como dinâmicas de grupo, entrevistas, testes ou até simulações de situações do cotidiano. Nelas são considerados aspectos importantes como motivação, preferências, para aproximar e homogeneizar ao máximo a equipe.

Veja as principais hard skills e soft skills analisadas com o assessment:

  • inteligência emocional;
  • honestidade e ética;
  • liderança;
  • capacidade de comunicação;
  • poder de persuasão;
  • domínio de idioma;
  • criatividade;
  • capacidade de tomar decisões;
  • conhecimento de softwares;
  • senso colaborativo;
  • capacidade de negociação;
  • organização;
  • habilidade de escrita;
  • trabalho em equipe;
  • flexibilidade;
  • empreendedorismo.

Identificação de traços emocionais

Avaliar a inteligência emocional permite identificar os pontos a serem melhorados nos relacionamentos no ambiente de trabalho, sobretudo, para lidar com os desafios e dificuldades. Fomentar o sentimento de empatia ajuda a tornar as relações mais próximas e livres de conflitos.

O Assessment revela traços de sentimentos relevantes para o contexto profissional, seja a avaliação realizada em candidatos ou colaboradores. Conseguir identificar e compreender esses traços facilita a interpretação e melhora o gerenciamento das pessoas, considerando seu estado emocional.

DISC

Atualmente, temos à nossa disposição, uma grande variedade de assessments. Um dos mais conhecidos no universo corporativo é o DISC, um assesment que ajuda o RH a identificar, entre fatores externos e internos, aqueles que interferem no comportamento de cada indivíduo no ambiente de trabalho.

Para entender melhor é preciso saber o significado da sigla:

  • Dominance – dominância;
  • Influence – influência;
  • Steadiness – estabilidade;
  • Conscientiousness – conformidade.

Dentre esses parâmetros comportamentais é possível verificar qual ou quais são mais predominantes no perfil de cada profissional. Assim, será mais fácil saber o que pode ser aprimorado.

Quanto mais clara a visão da personalidade e comportamento de um indivíduo, melhor e mais eficientes serão a sua capacitação e desenvolvimento. Uma forma dinâmica e eficaz de identificar os perfis com potencial para a liderança.

Levando em conta as particularidades pessoais e profissionais, com o assessment a empresa tende a encontrar nas diferenças um equilíbrio perfeito para elevar a performance de todo o capital humano e ser mais competitiva no mercado.

Quais os benefícios de utilizar o Assessment?

Tanto no recrutamento de novos colaboradores, quanto internamente para a sucessão de cargos de liderança a empresa é beneficiada pelo processo de Assessment. Dentre as vantagens podemos citar algumas mais relevantes!

Retenção de talentos

A retenção de talentos é, na atualidade, um dos principais desafios das gestões e RH, considerando a volatilidade do mercado e o próprio comportamento dos profissionais. A maioria já não se detém em uma empresa dependente de salários ou benefícios rasos.

Muitos talentos estão em busca de valorização e reconhecimento, o que se traduz na oportunidade de ampliar o conhecimento e se desenvolver na carreira, sem precisar sair da empresa.

O assessment reduz significativamente os índices de turnover, uma vez que ao perceber o cuidado da empresa em contribuir para o seu desenvolvimento, os colaboradores desistem de buscar oportunidades no mercado.

Criação de políticas e metas para o recrutamento e seleção

Aplicando o assessment dentro da empresa para mapear os perfis mais adequados ao negócio, o RH pode estender para as políticas de recrutamento e seleção, definindo melhor as habilidades e competências a serem avaliadas nos candidatos.

Durante o processo seletivo, a metodologia pode ser usada para ajudar o candidato na autoavaliação e identificação dos próprios princípios e valores, comparados ao da empresa. É primordial que seja o match ideal, pois assim, uma adaptação mais rápida trará resultados mais certeiros.

Criação de planos de carreira

O mapeamento de perfis que engloba as competências e habilidades desejadas, assim como as que devem ser aprimoradas, leva à criação de um plano mais consistente para a carreira dos profissionais da empresa.

No desenvolvimento, o foco nas hard e soft skills mais apropriadas para os profissionais, conectará seus desejos e aspirações aos cargos e funções disponíveis. Com o resultado, tanto a empresa, quanto os colaboradores podem visualizar o futuro profissional de médio e longo prazo.

Como você viu, o assessment é mais abrangente que a avaliação de desempenho e abre um leque de possibilidades a todos os envolvidos. A empresa que deseja se destacar como marca empregadora e ter vantagem competitiva deve considerar seus benefícios.

Para implementar o assessment na sua empresa, a Weego pode ajudar. Com uma visão e atuação direcionada a resultados, damos total suporte ao RH na aplicação de ferramentas para desenvolvimento efetivo do perfil comportamental e profissional de cada talento.

Se você gostou deste post e deseja aplicar o conceito de assessment na sua empresa, acesse o nosso site para conhecer as soluções Weego!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *