Por que a cultura de aprendizagem deve fazer parte da estratégia organizacional

Com a alta competitividade no mercado, é imprescindível que as empresas tenham colaboradores e principalmente líderes cada vez mais preparados para se adaptar a todos os cenários que surgem — nesse sentido, entra a implementação da cultura de aprendizagem na estratégia organizacional.

É preciso capacitar e desenvolver os talentos para atender às necessidades internas e exigências vindas de fora. Além disso, quem quiser estimular o desejo de permanência nos profissionais de alta performance deve oferecer condições de crescimento dentro da empresa.

O objetivo deste post é falar sobre a importância de uma empresa ser direcionada à cultura de aprendizagem considerando os desafios atuais e futuros. Continue lendo para entender melhor sobre o assunto e como desenvolver seus talentos a partir desse conceito!

Qual a importância da cultura de aprendizagem para uma empresa?

Ter talentos com desempenho acima da média é um desafio e tanto para a maioria das organizações. Embora muitos profissionais apresentem boas habilidades e competências, é preciso moldá-los até que cheguem no perfil desejado pela empresa.

Nesse percurso, é necessário oportunizar o aprimoramento em um ambiente de aprendizado e desenvolvimento contínuos. Além dos benefícios dessa prática para o negócio, investir nos talentos pode aumentar a motivação e o engajamento.

Os profissionais que almejam crescer em uma mesma empresa estão atentos, não só às oportunidades, mas ao modo como a empresa promove o desenvolvimento. Em pesquisa feita pelo GPTW com base nas 150 Melhores Empresas para Trabalhar no Brasil, 46% dos respondentes apontaram que o maior motivo para permanência na empresa é a oportunidade de crescimento.

Por mais que melhorar os resultados dependa de cada indivíduo, o envolvimento coletivo tende a estimular a vontade de se dedicar à aquisição de novos conhecimentos.

Dessa forma, todos saem da zona de conforto e passam a enxergar potenciais melhorias onde acreditavam estar satisfatório. A cultura de aprendizagem é, portanto, uma maneira positiva de provocar e incentivar movimentos frequentes em direção a algo novo.

Como o mercado está repleto de novidades, é essencial que a empresa saiba explorar a evolução como agente efetivo de mudança. Quanto melhor for a atuação de um profissional em seu cargo e função, melhores serão suas entregas.

Por outro lado, um profissional que recebe incentivos constantes da organização para evoluir se sentirá cada vez mais pertencente. Essa relação fortalece os vínculos e cria maior sentido para o compromisso diário com os projetos e processos da empresa, tornando as equipes mais produtivas.

Como incluir a cultura de aprendizagem na estratégia organizacional?

Na cultura de aprendizagem há espaço para a troca e o compartilhamento de ideias como instrumento de desenvolvimento individual ou em grupo. As pessoas se relacionam com confiança e o clima na empresa é mais saudável e evolutivo.

Qualquer empresa pode instaurar uma cultura de aprendizagem e se transformar em um lugar excelente para se trabalhar, por manter uma estratégia frequente de crescimento e desenvolvimento organizacional e dos seus colaboradores.

Para isso é importante adotar algumas práticas!

Alinhamento e desenvolvimento das lideranças

Os líderes não são apenas figuras de decisão, responsáveis por processos e equipes, mas exemplos de comportamento e conduta. Eles exercem influência direta sobre as pessoas que lideram, positiva ou negativamente.

Ter uma cultura de aprendizagem consolidada dentro da empresa permite um foco maior nas habilidades que cada líder precisa para gerenciar bem sua área e seu time. A estratégia organizacional possibilita um alinhamento entre a aprendizagem e o que as lideranças precisam desenvolver para serem consideradas de alta performance.

Se os líderes conseguem enxergar as oportunidades de crescimento e buscam melhorar seu desempenho, certamente vão contagiar a todos que estão em volta e estimular em cada um a vontade de se preparar para melhores oportunidades no futuro.

Incorporação do Lifelong Learning

Quando se pensa em cultura da aprendizagem, inovação e melhoria contínua, logo surge o conceito do lifelong learning, o que traduzido significa aprendizado ao longo da vida, ou seja, nunca parar de aprender algo novo.

Muitas pessoas estudam e se diplomam em um ramo ou assunto específicos, porém o lifelong learning defende a ideia de que aprender é uma longa e infinita jornada. Dentro do conceito ganham por absorver e trocar conhecimento, alinhando os objetivos da empresa com as necessidades individuais de aspecto pessoal e profissional.

Incentivo de uma cultura de aprendizagem ativa

O active learning ou aprendizagem ativa é o método de aprender enquanto se pratica, ou seja, aprimorar as habilidades executando as atividades que exigem mais do desempenho — na prática, as dúvidas e respostas podem surgir com maior clareza.

Assim, o talento consegue identificar os pontos que precisam de maior conhecimento ou expertise para que os resultados sejam mais satisfatórios. Na liderança, por exemplo, algumas competências são essenciais e os líderes se propõem a desenvolver skills específicas, de acordo com as responsabilidades inerentes ao cargo.

É durante a jornada de trabalho que o líder vai compreendendo seus pontos fortes e fracos, se transformando em um líder de grande valor e não apenas um gestor de área, pessoas e processos, sendo o dono do seu próprio aprendizado.

Um aspecto positivo da aprendizagem ativa é que o líder, muitas vezes atarefado e repleto de responsabilidades, tem dificuldades de deixar a área para participar de treinamentos — a aplicabilidade do método é cíclica, flexível, dinâmica e construtiva.

Como a Weego pode ajudar nesse desafio?

A Weego nasceu da percepção de que era necessário mudar a forma de desenvolvimento dos talentos, sobretudo, dos líderes. Os treinamentos engessados e cheios de tradicionalismo já não pareciam seduzir os profissionais que ambicionam crescer na carreira.

Foi pensando nisso que criamos soluções simplificadas, focadas em resultados práticos e efetivos. Com isso, nosso time de especialistas pode ajudar na implementação da cultura de aprendizagem na estratégia organizacional.

Temos como premissa todo o suporte para as organizações que desejam transformar seus gestores em líderes competentes, com skills comportamentais bem desenvolvidas. Em sua jornada de autoconhecimento, com nosso direcionamento, o líder entende que pode ir além de limites preestabelecidos.

De um jeito prático e moderno, o método Weego trouxe para o mercado uma visão nova de aprendizagem, fortalecendo a cultura do novo e eficiente modo de explorar capacidades sem perder o foco no trabalho.

Nosso trabalho é aprimorar aquilo que já existe. Ao colocar os talentos no centro do próprio aprendizado, eles conseguem dimensionar as potencialidades e usufruir de todos os recursos para se tornarem os profissionais do sonho de qualquer empresa.

Um time de líderes engajados reflete o crescimento, criando um ambiente favorável à revisão de conceitos e ao desenvolvimento. O investimento da empresa retorna em forma de clima organizacional agradável, vantagem competitiva e colaboradores fidelizados.

É importante que a cultura organizacional alcance primeiro as lideranças e que estas sejam disseminadoras dessa proposta de renovação. Com a Weego, seu RH tem todo o suporte que precisa para formar times de alta performance, comandados por grandes líderes.

Se você gostou do post e deseja promover uma verdadeira revolução na sua empresa ao promover a cultura de aprendizagem, aproveite para conhecer as soluções da Weego e como podemos contribuir para o sucesso dessa empreitada!

LP do e-book de liderança parte 2

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.